Conheça testemunhos de alguns dos nossos utentes.

“em tudo diferentes do convencional”

Agradeço ao Dr. Jorge Alves e à sua equipa o profissionalismo, dedicação, competência e simpatia com que o meu marido foi acolhido no Centro Cérebro.
A abordagem, atitude e técnicas adotadas em tudo diferentes do convencional são certamente responsáveis pelos ganhos obtidos.
Obrigada e bem hajam.

I. L., Esposa de paciente com Lesão Cerebral severa

Centro CEREBRO
2019-06-23T16:43:28+00:00

I. L., Esposa de paciente com Lesão Cerebral severa

Agradeço ao Dr. Jorge Alves e à sua equipa o profissionalismo, dedicação, competência e simpatia com que o meu marido foi acolhido no Centro Cérebro. A abordagem, atitude e técnicas adotadas em tudo diferentes do convencional são certamente responsáveis pelos ganhos obtidos. Obrigada e bem hajam.

“Foi como renascer.”

Ainda me encontro em tratamento no Centro Cérebro, embora já na fase final, mesmo assim vou usar o tempo verbal passado e dizer que “sofria” da fobia de ler e falar em público.
Toda a minha vida, todas as minhas decisões, todas as minhas escolhas estiveram ligadas, subordinadas a essa minha patologia. Desviava-me, automaticamente, do que quer que fosse que implicasse ler ou falar em público.
A fobia apareceu-me aos 20 anos e só aos 54 consegui procurar ajuda. Descobri o Centro Cérebro através de uma reportagem televisiva.
Para além de exercícios respiratórios e outros, [o tratamento] foi principalmente a Terapia de Realidade Virtual.
As duas primeiras sessões foram em duas semanas seguidas, depois o tempo entre as sessões foi sempre aumentado gradualmente. Hoje é praticamente uma vez por ano.
Foram muitos anos, quase uma vida, a padecer desta doença, logo, os resultados não começaram a aparecer na primeira sessão, como por magia. Mas ao longo das semanas comecei a saber lidar com situações que antes eram inimagináveis para mim.
Hoje já não fujo de situações que tenha que ler ou falar em público. Foi como renascer.

P.D. (iniciais anonimizadas), Paciente com Fobia de falar em público

Centro CEREBRO
2019-06-29T00:03:19+00:00

P.D. (iniciais anonimizadas), Paciente com Fobia de falar em público

Ainda me encontro em tratamento no Centro Cérebro, embora já na fase final, mesmo assim vou usar o tempo verbal passado e dizer que “sofria” da fobia de ler e falar em público. Toda a minha vida, todas as minhas decisões, todas as minhas escolhas estiveram ligadas, subordinadas a essa minha patologia. Desviava-me, automaticamente, do que quer que fosse que implicasse ler ou falar em público. A fobia apareceu-me aos 20 anos e só aos 54 consegui procurar ajuda. Descobri o Centro Cérebro através de uma reportagem televisiva. Para além de exercícios respiratórios e outros, [o tratamento] foi principalmente a Terapia de Realidade Virtual. As duas primeiras sessões foram em duas semanas seguidas, depois o tempo entre as sessões foi sempre aumentado gradualmente. Hoje é praticamente uma vez por ano. Foram muitos anos, quase uma vida, a padecer desta doença, logo, os resultados não começaram a aparecer na primeira sessão, como por magia. Mas ao longo das semanas comecei a saber lidar com situações que antes eram inimagináveis para mim. Hoje já não fujo de situações que tenha que ler ou falar em público. Foi como renascer.

“nunca se esquece, apesar da doença”

Clínica com pessoal competente e atencioso, com o qual a minha esposa adora trabalhar e que nunca se esquece, apesar da doença.

H.A., Esposo de paciente com Demência

Centro CEREBRO
2019-06-28T14:40:09+00:00

H.A., Esposo de paciente com Demência

Clínica com pessoal competente e atencioso, com o qual a minha esposa adora trabalhar e que nunca se esquece, apesar da doença.

“disseram que não havia nada a fazer”

Há um ano comecei a ter problemas graves de equilíbrio, perda de alguns reflexos, e perda de sensibilidade nos braços e mãos, que me dificultavam a minha vida diária e laboral. Fui a vários Neurologistas que não me deram nenhum diagnóstico claro e disseram que não havia nada a fazer.
Felizmente procurei outras respostas e recorri ao Centro CEREBRO. Na avaliação a Fisioterapeuta Vanessa Costa explicou-me as partes neurológicas e músculo-esqueléticas afetadas e a sua ligação, o que podia ser tratado e o que não podia, e que precisava de 3 meses de reabilitação para conseguir notar resultados. No começo a recuperação exigiu paciência e confiança no plano proposto, mas fui cumprindo mais cedo que o previsto todas as metas delineadas. Após 2 meses de fisioterapia 3 vezes à semana no Centro CEREBRO notei melhorias claras. Agora, aos 5 meses de fisioterapia já consigo voltar a equilibrar-me , caminhar e correr quase a 100% e recuperei muita sensibilidade nas mãos. Volto a fazer a minha vida normalmente. Obrigado pelo tratamento cuidadoso e pelas melhorias!

E.A., Paciente com Perturbação do Equilíbrio

Centro CEREBRO
2019-06-28T14:55:29+00:00

E.A., Paciente com Perturbação do Equilíbrio

Há um ano comecei a ter problemas graves de equilíbrio, perda de alguns reflexos, e perda de sensibilidade nos braços e mãos, que me dificultavam a minha vida diária e laboral. Fui a vários Neurologistas que não me deram nenhum diagnóstico claro e disseram que não havia nada a fazer. Felizmente procurei outras respostas e recorri ao Centro CEREBRO. Na avaliação a Fisioterapeuta Vanessa Costa explicou-me as partes neurológicas e músculo-esqueléticas afetadas e a sua ligação, o que podia ser tratado e o que não podia, e que precisava de 3 meses de reabilitação para conseguir notar resultados. No começo a recuperação exigiu paciência e confiança no plano proposto, mas fui cumprindo mais cedo que o previsto todas as metas delineadas. Após 2 meses de fisioterapia 3 vezes à semana no Centro CEREBRO notei melhorias claras. Agora, aos 5 meses de fisioterapia já consigo voltar a equilibrar-me , caminhar e correr quase a 100% e recuperei muita sensibilidade nas mãos. Volto a fazer a minha vida normalmente. Obrigado pelo tratamento cuidadoso e pelas melhorias!

“consegui recuperar das dores e a mobilidade”

Fui atendida no Centro Cérebro, no decorrente mês de Abril, após Lombalgia que me limitou nas minhas atividades da vida diária, como vestir, pegar nas minhas filhas ao colo, conduzir, etc.
Em apenas 3 sessões consegui recuperar das dores e a mobilidade, graças à Fisioterapeuta Vanessa Costa que tem umas mãos milagrosas, aliada à simpatia e profissionalismo.
Recomendo vivamente e sem hesitar.

P. P., Paciente com Lombalgia

Centro CEREBRO
2019-06-27T20:31:04+00:00

P. P., Paciente com Lombalgia

Fui atendida no Centro Cérebro, no decorrente mês de Abril, após Lombalgia que me limitou nas minhas atividades da vida diária, como vestir, pegar nas minhas filhas ao colo, conduzir, etc. Em apenas 3 sessões consegui recuperar das dores e a mobilidade, graças à Fisioterapeuta Vanessa Costa que tem umas mãos milagrosas, aliada à simpatia e profissionalismo. Recomendo vivamente e sem hesitar.

“Antes privava-me de andar na frente das corridas!”

De uma forma geral, não procurei a Cérebro por sofrer de uma patologia em concreto. No entanto, esta escolha prendeu-se pelo facto de eu ser atleta e precisar de treino ao nível cognitivo para suportar a pressão que o desporto de alta competição impõe.
Desde criança que tive sempre muita dificuldade em lidar com as situações que ditam o sucesso ou o insucesso. Como sou muito exigente comigo própria, sempre coloquei muita expectativa nas minhas actividades, querendo sempre ser a melhor. A verdade é que quando submetida a situações que podiam ditar o sucesso ou insucesso, como um teste escolar por exemplo, acabava por me condicionar sem ter noção disso.
O mesmo aconteceu no contexto de competição. Mas só me apercebi disso quando iniciei o treino cognitivo na Centro Cérebro.
Não procurei esta clínica especificamente para este fim, mas em conversa com o clínico, chegamos à conclusão que poderia notar melhorias no desempenho desportivo se efetuasse este treino.
No Centro Cérebro realizei sempre treino cognitivo e proprioceptivo. Uma vez por semana há quase um ano.
Aprendi a controlar a ansiedade, e ao controlar a ansiedade tornei os meus tempos de recuperação física mais rápidos por não ter os músculos tão tensos.
Antes privava-me de andar na frente das corridas!

Z.Z. (iniciais anonimizadas), Atleta de Alta Competição

Centro CEREBRO
2019-06-29T00:22:36+00:00

Z.Z. (iniciais anonimizadas), Atleta de Alta Competição

De uma forma geral, não procurei a Cérebro por sofrer de uma patologia em concreto. No entanto, esta escolha prendeu-se pelo facto de eu ser atleta e precisar de treino ao nível cognitivo para suportar a pressão que o desporto de alta competição impõe. Desde criança que tive sempre muita dificuldade em lidar com as situações que ditam o sucesso ou o insucesso. Como sou muito exigente comigo própria, sempre coloquei muita expectativa nas minhas actividades, querendo sempre ser a melhor. A verdade é que quando submetida a situações que podiam ditar o sucesso ou insucesso, como um teste escolar por exemplo, acabava por me condicionar sem ter noção disso. O mesmo aconteceu no contexto de competição. Mas só me apercebi disso quando iniciei o treino cognitivo na Centro Cérebro. Não procurei esta clínica especificamente para este fim, mas em conversa com o clínico, chegamos à conclusão que poderia notar melhorias no desempenho desportivo se efetuasse este treino. No Centro Cérebro realizei sempre treino cognitivo e proprioceptivo. Uma vez por semana há quase um ano. Aprendi a controlar a ansiedade, e ao controlar a ansiedade tornei os meus tempos de recuperação física mais rápidos por não ter os músculos tão tensos. Antes privava-me de andar na frente das corridas!

“sem este apoio o meu irmão estaria pior”

O meu irmão tem doença de Parkinson desde 2005. Frequenta o Centro CEREBRO quase desde que abriu. Recorri ao Centro CEREBRO por saber que era um serviço especializado no âmbito das Neurociências, que estaria mais indicado para o meu irmão no âmbito da fisioterapia. Ele tem fisioterapia física, estimulação cognitiva e terapia da fala.
Esta "fisioterapia" é muito positiva para o meu irmão na medida em que lhe dá um apoio no âmbito desta doença, que é uma doença em que os doentes necessitam de ser estimulados. Aqui é bem acompanhado.
Apesar da doença ter progredido reconheço que sem este apoio o meu irmão estaria pior quer na parte física quer na parte psíquica.
Tivemos recentemente uma nova consulta com um Neurologista especializado e reconheceu que nesta fase da doença que já tem estes anos, esta fisioterapia é o meio indicado e melhor nestas doenças. Ele necessita mesmo deste acompanhamento, que é fulcral à doença dele. A Doença de Parkinson é neurodegenerativa, vai evoluindo, mas sem este apoio torna-se pior.

A.A. (iniciais anonimizadas), Familiar de paciente com doença de Parkinson de estado avançado

Centro CEREBRO
2019-06-30T00:14:24+00:00

A.A. (iniciais anonimizadas), Familiar de paciente com doença de Parkinson de estado avançado

O meu irmão tem doença de Parkinson desde 2005. Frequenta o Centro CEREBRO quase desde que abriu. Recorri ao Centro CEREBRO por saber que era um serviço especializado no âmbito das Neurociências, que estaria mais indicado para o meu irmão no âmbito da fisioterapia. Ele tem fisioterapia física, estimulação cognitiva e terapia da fala. Esta "fisioterapia" é muito positiva para o meu irmão na medida em que lhe dá um apoio no âmbito desta doença, que é uma doença em que os doentes necessitam de ser estimulados. Aqui é bem acompanhado. Apesar da doença ter progredido reconheço que sem este apoio o meu irmão estaria pior quer na parte física quer na parte psíquica. Tivemos recentemente uma nova consulta com um Neurologista especializado e reconheceu que nesta fase da doença que já tem estes anos, esta fisioterapia é o meio indicado e melhor nestas doenças. Ele necessita mesmo deste acompanhamento, que é fulcral à doença dele. A Doença de Parkinson é neurodegenerativa, vai evoluindo, mas sem este apoio torna-se pior.

“primazia ao estímulo cerebral”

A primazia ao estímulo cerebral faz-nos crer que nada no Centro CEREBRO é por acaso.
Um acolhimento afável, calmo e personalizado transmite confiança e bem-estar ao cliente.

P.P. (iniciais anonimizadas), Paciente com Parkinsonismo atípico

Centro CEREBRO
2019-07-14T15:57:32+00:00

P.P. (iniciais anonimizadas), Paciente com Parkinsonismo atípico

A primazia ao estímulo cerebral faz-nos crer que nada no Centro CEREBRO é por acaso. Um acolhimento afável, calmo e personalizado transmite confiança e bem-estar ao cliente.

“cuidado e atenção com o paciente”

Agradeço a atenção prestada pelo Centro CEREBRO, consegui dissipar algumas dúvidas em relação à perda de memória do meu pai, a avaliação foi feita com cuidado e atenção com o paciente. O relatório foi apresentado e esclarecido com todo o cuidado e atenção.

F.F. (iniciais anonimizadas), Paciente com suspeita de Demência

Centro CEREBRO
2019-07-15T10:27:56+00:00

F.F. (iniciais anonimizadas), Paciente com suspeita de Demência

Agradeço a atenção prestada pelo Centro CEREBRO, consegui dissipar algumas dúvidas em relação à perda de memória do meu pai, a avaliação foi feita com cuidado e atenção com o paciente. O relatório foi apresentado e esclarecido com todo o cuidado e atenção.